10 lojas imperdíveis em Tóquio

Pra quem pensa que Tóquio é sinônimo de compras e mais compras, acertou. A cidade de um jeito ou de outro vai despertar seu instinto consumista. Aquela imensidão de coisas diferentes saltam aos olhos e te fazem querer tudo. Meça o que te dará mais prazer e gaste seus ienes sem culpa. Tenho certeza que você entrará numa farmácia ou num mercado e terá vontade de comprar alguma coisa que você não faz ideia do que é e nem pra que serve. Acontece com todo mundo! É possível encontrar coisas bem baratas nas lojas de hyakuen (100 yen shop) e também artigos de luxo ou equipamentos eletrônicos que valem à pena o investimento. O Japão não é um país barato mas procurando bem você encontrará produtos que caibam no seu bolso e na sua mala.

1. Uniqlo

lojas-imperdiveis-toquio

Continuar lendo

Onde comprar ienes? 💴

Chegamos ao último tópico do checklist para a sua viagem ao Japão. Hora de comprar o iene (ou yen), a moeda japonesa. Depois disso é só arrumar as malas e seguir viagem. E pra arrumação de mala eu não sirvo de referência. Então terminamos o checklist por aqui mesmo!

Recapitulando… você já comprou a passagem aérea, já traçou o roteiro, fechou os hotéis, correu atrás do visto e comprou o passe de trem. Então só falta a grana que você vai levar pra gastar lá! Hoje em dia, por conta do IOF (imposto sobre operações financeiras), a única forma mais “vantajosa” de gastar dinheiro no exterior é levando em espécie daqui do Brasil. Isso porque todas as outras formas implicam num acréscimo de 6,38% na conta final. Cartão de crédito, saque em caixa eletrônico, VTM, traveler cheque. Tudo isso teve que ser deixado relativamente de lado e a gente se viu obrigados a levar dinheiro “vivo” nas nossas viagens.

Continuar lendo

Japão checklist basicão

E vamos dar prosseguimento aos trabalhos com uma sequência maneirinha de como organizar sua viagem pro Japão.

File_000

kanji (漢字)

1° passo – comprar as passagens aéreas numa promoção muito boa, fazendo umas paradinhas estratégicas pra não chegar quebrado feat. destruído em Tóquio e, de quebra, conhecer outro(s) país(es) e dar aquela carimbada no passaporte que a gente tanto gosta.

2° passo – o Japão precisa de visto. E para solicitar o visto você tem que ter um cronograma da viagem. Então pra isso a gente chega no 2° momento de decisão, que é escolher todas as cidades que a gente quer visitar, planejar o tempo em cada lugar, as datas e as pernoites, os locais onde da pra fazer bate-e-volta… esse segundo passo parece complicado mas é legal. Pra mim, é o próximo que pega!

Continuar lendo