Ousadia e alegria: voo de balão na Capadócia (com direito a muita neve)

Qual foi a coisa mais ousada que você já fez numa viagem / viajando?

poltrona22-voo-balao

Capadócia coberta de neve!

Sim, o título deste post veio de uma música de pagode. Não, eu não sou pagodeiro. Sim, eu gosto de pagode, sertanejo, funk e axé. E muitas outras coisas mais. Sem preconceito, pessoal. Toma um trechinho pra embalar a sua leitura:

“O nosso lema é ousadia e alegria
A nossa cara é pagode todo dia
Cheio de estilo na pressão eu vou com tudo
Só espalhando ousadia pelo mundo” – Thiaguinho

Mas vamos falar do que interessa. Aqui no blog o assunto principal ainda é viagem. Alguns dias atrás eu estava pensando qual teria sido o lance mais maluco (pelo menos na minha opinião) que eu já tinha feito enquanto viajava. Não sou do tipo aventureiro, já adianto. Então poucos pontos surgiram.

Ter ido pro Japão esse ano sem dúvida está na minha lista. Pela distância, pelo idioma, pela cultura. Foi tudo muito fantástico. Recomendo demais essa experiência.

Ter fechado um intercâmbio para o Canadá com somente duas semanas de antecedência também foi meio louco. Minha primeira viagem internacional há quase 10 anos atrás. Um ‘presente de aniversário’ que eu mesmo me dei. Decidi tudo em cima da hora e fui. Inglês enferrujado. Casa de família. Outros 5 intercambistas. Escola. Tudo novo! Tudo maravilhoso! Todo mundo deveria ter a chance de estudar outro idioma fora do país. Quem puder, vá! Não importa a idade. Mandem seus filhos! Não importa se duas semanas ou seis meses. É um investimento pra vida toda. Muito mais para o lado pessoal do que qualquer outra coisa.

Mas o que julgo ser a coisa mais ousada mesmo nesse singelo tempo de voo/bagagem/hotel/viagem que eu tenho foi o passeio de balão na Capadócia, na região de Göreme, na Turquia. Com o plus de ser no inverno e com muita neve.

Rolou a maior preocupação do voo não acontecer. Chegamos na Capadócia e tudo era pura neve. A cidade praticamente fantasma. Nas ruas, somente bonecos de neve gigantes. A paisagem era um branco total. Logo de cara descobrimos que não haveria o passeio na manhã seguinte. Por sorte, conseguimos arrumar outra programação que não fosse nos ares. E era só neve que caia. Mas, como todo passaporte carimbado tem sua santa protetora, no dia posterior a possibilidade do passeio acontecer era bem grande. Foi muita sorte. E valeu muito a pena.

poltrona22-voo-balao

O passeio foi fechado no próprio hotel com a empresa Butterfly Balloons. Não era barato não. Mas era uma experiência única e não dava pra deixar passar. Pra fazer esse passeio é preciso madrugar. A empresa te busca no hotel as 5 da manhã. Mas vai por mim. Vai ser a manhã mais incrível da sua vida! Primeiro, eles te levam para o QG da empresa. Lá te oferecem um café. Comidas e bebidas à mesa. Explicam algumas coisas sobre o voo, sobre o passeio. E bora pra pista, mano!

poltrona22-voo-balao

Dai é só seguir caminho pela paisagem diferentona até o ponto de partida dos balões. Subir no cestinho. Sentir aquele medo básico (que juntamente com a friaca que fazia te deixava paralisado). Mas minutos depois não conseguir manter a boca fechada. Puta admiração. Pura contemplação.

poltrona22-voo-balao

O passeio deve durar em torno de 40 minutos. Talvez, no máximo, uma hora. Devido à condição climática, conseguimos voar por cima das nuvens uma única vez. Depois, no restante do voo, por questão de segurança, tivemos que ficar mais baixinho. Não tinham tantos balões igual costumamos ver em fotos durante o verão. Mas isso foi o diferencial do espetáculo. E que espetáculo!

poltrona22-voo-balao

É tudo uma emoção. Inclusive a ‘aterrissagem’. Um pessoal da equipe fica esperando no chão pra segurar as cordas do balão. Dá o maior medo do balão não parar. Por conta da neve o cesto derrapou um pouco. E em volta, só penhascos. Mais uma vez a Nossa Senhora Protetora dos Passaportes Carimbados colaborou com a gente.

Como recompensa um espumante é aberto ali mesmo. Nada como tomar uma taça no meio da neve depois de um passeio de balão, né?

poltrona22-voo-balao

4 comentários sobre “Ousadia e alegria: voo de balão na Capadócia (com direito a muita neve)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s