Vou para o Japão!

poltrona22_japao

Se você gosta de ama viajar vai me entender à partir de agora. Quem nunca teve vontade de conhecer o outro lado do mundo mas logo de cara ficou com preguiça/medo/cansaço de pensar em viajar por mais de 30 horas até chegar lá? Eu já tinha ensaiado várias vezes fazer essa viagem e sempre optava por outro lugar. Daí fui lendo sobre as cias aéreas que oferecem stopover… e a princípio parecia bem interessante a ideia. Dar aquela paradinha (na ida OU na volta) pra conhecer outro país antes de chegar ao seu destino principal. Já tinha me decidido que a parada devia ser feita na ida, pra não chegar morto ao destino, e a quantidade de horas dos voos de volta não importava tanto. Já que depois estaria em casa e teria tempo pra descansar e me recuperar.

Começando as pesquisas: as cias oferecem stopover nas cidades onde possuem suas bases. Turkish Airlines em Istambul, AirCanada em Toronto, Emirates em Dubai, AirFrance em Paris, TAP em Lisboa e assim vai… Não sei se são todas as cias que permitem isso e nem as regras de cada uma. Essas que eu citei tenho certeza que sim. Acontece que as cias que ofereciam um tempo total de voo menor estavam bem caras. Quando digo menor tempo de voo prepare-se para no mínimo 30 horas. É o tempo de chegar ao país base da cia. Pousar o avião. Abastecer. E continuar. Quem tem medo de avião deve sofrer só de pensar nisso, né?! Os voos que tinham preço razoável, considerando a parada de alguns dias na ida, ofereciam voos de volta ao Brasil em torno de 42 horas. Quarenta e duas horas! Quase 2 dias! Como assim?

Eu não tenho um perfil de viajante requintado. Nunca voei de executiva. Mas também não fico em hostel com banheiro compartilhado. Não abro mão de visitar nenhum ponto turístico. Mas passo fácil gastar uma fortuna num restaurante badalado. Fico sempre no meio termo. E assim tem funcionado. Mesmo assim levar quase 2 dias pra voltar pra casa me parecia um suplício. E daí veio a vontade de alterar de novo o roteiro das férias… Ir pra um lugar mais pertinho, quem sabe, por que não, né. Só que dessa vez não vinha a vontade de ir pra nenhum outro lugar senão o Japão. Acho que muito disso se deve ao fato de eu ter me mudado pra São Paulo recentemente e estar trabalhando no bairro da Liberdade. Acho não, tenho certeza que é isso. Eu queria muito há muito tempo. E dessa vez teria que rolar.

Então vamos lá… destino decidido e férias marcadas. Tinha 5 meses de antecedência pra preparar tudo. Daria tempo tranquilamente. Por onde começamos a colocar essa viagem na prática? Pelo voo. Sempre. E dá-lhe pesquisar. Pesquisar de dia, de noite, de segunda, de sábado. Tudo pra ver se mudavam os preços, os horários, a duração do voo. Ou se um milagre poderia acontecer. Porque assim, nessas horas, a gente espera qualquer coisa. Eis que nesse meio tempo recebo um e-mail da KLM  falando justamente sobre a disponibilização de stopover em Amsterdam. Já tinha voado de KLM, já tinha ido à Amsterdam, já estava querendo voltar. Perfeito! Foquei minhas buscas no site da KLM. Que tem versão em português. Que é super fácil de pesquisar voos. Que finaliza os preços em reais. E que parcela em até 4 x sem juros. Tá bom?! Então tá bom!

Achei um preço atrativo. Paradinha na ida. Uma volta mais ou menos (acho que dava em torno de 36 horas, não lembro direito). Algumas pessoas mais precipitadas teriam fechado. Comprado na hora. E resolvido. E estaria tudo certo. Felizinhas de irem ao Japão com paradinha na Europa primeiro. Mas eu não consigo ser assim. Continuei pesquisando. E pesquisando. E achando que poderia ficar melhor de alguma forma. Foi assim que comecei a pesquisar paradas em Paris também. A KLM e a Air France operam juntas e a pesquisa é feita simultaneamente. Pensei: Paris, por que não né? É sempre bom ir pra Paris (fingindo costume mesmo! #soudesses). Só sei que fucei, debrucei sobre todas as possibilidades e no fim consegui um esqueminha da hora.

Paris – Tóquio – Amsterdam. Tava fechado o roteiro. Seriam (serão, hoje é quinta-feira e eu embarco no sábado) 3 dias na ida em Paris, 11 dias no Japão e 3 dias na volta em Amsterdam. E o melhor, por muito pouco a mais. Sério. Acho que só aumentou mesmo as tarifas aeroportuárias. Foi cerca de R$150,00 a mais pra fazer esses dois stopovers. E será que compensa? Só te falo uma coisa: Paris e Amsterdam. Compensa sempre. Vai por mim!

Ah, caso alguém não saiba, pra fazer essa pesquisa de voos com diversas paradas deve-se ir na aba ‘múltiplas cidades’ e inserir os destinos que deseja. Aconselho alterar o trajeto para checar a variação de preço. Colocar a parada na ida primeiro e depois na volta, por exemplo. Começar por um país e terminar por outro e depois inverter o trajeto. Dá diferença, gente! Isso pode ser feito tanto nos sites das próprias cias aéreas como nos sites de busca de passagens. Todos tem essa opção. E você pode colocar qualquer trecho que desejar. Inicialmente você só precisa de uma coisa: paciência!

Bom, esse apanhado geral é só pra mostrar que dá pra ir pro Japão ou qualquer outro país asiático “confortavelmente” na classe econômica sem chegar lá morto e sem gastar os tubos só com a passagem aérea. Nos próximos posts contarei o restante do planejamento. Como eu fiz pra tirar o visto, reservar os hotéis, fazer o câmbio do dinheiro, comprar o passe de trem. Tudo baseado nas minhas experiências e indicando cada empresa ou pessoa que me atendeu nesse processo.

Espero que todos nós façamos uma boa viagem! Até breve!

22 comentários sobre “Vou para o Japão!

    • Cris, se eu pudesse viveria lá pra sempre! Tô inconformado com os japoneses da Liberdade não irem morar lá! Já perguntei pra varias velhinhas o que elas estão fazendo aqui!!! Hahahahaha
      Bjosss

      Curtir

    • Mi, que país é esse?! Quando todos seguem as regras tudo flui naturalmente bem. É um choque de civilidade! Quero mais! Tem mais de 15 mil fotos… preciso me organizar e continuar postando! Bjosss

      Curtir

  1. Parabéns Dani… Eu como AMANTE de um carimbo no passaporte faço exatamente isso pesquiso… Pesquiso e pesquiso… Sempre falo para as pessoas o preguiçoso paga caro… Nao adianta! Tá perfeito o blog super vou seguir… Sucesso e boa viagem

    Curtido por 1 pessoa

    • Dani, que surpresa maravilhosa a poltrona 22, já é sucesso, tenho certeza. Que delícia de viagem!!! Quero saber tudo e vou super acompanhar tudinho de perto. Ameiiii!!!! Quentinho, saindo do forno, como pão caseiro feito na casa da nossas avós, já tem sabor de quero mais. Beijokas e boa viagem.

      Curtido por 1 pessoa

      • Lili, quando a gente acha que já viu tudo e já experimentou as melhores experiências em viagem vem o Japão e te deixa completamente embasbacado. Tô muito apaixonado pelo país, pelo povo, por tudo! Agora quero virar japonês e ir morar lá. Como faz??? Hehehehe
        Enquanto isso tô cheio de histórias fresquinhas pra contar e mais de 15 mil fotos pra mostrar. Me aguarde!!!
        Bjo enorme cheio de saudade! 😘

        Curtir

    • Keyller, é isso mesmo! Organizando direitinho todo mundo viaja pra onde quiser! 🌎 🌍 🌏 E a gente que é picado por esse mosquito já não consegue mais ficar sem um portão de embarque internacional né?! Já quero mais! Quero seu feedback viu! Valeu!!!

      Curtir

    • Oi, Dani!
      Vá sim. Com certeza. Melhor experiência em termos de civilidade que a gente pode ter!
      Provavelmente eu terei voltado lá até 2020. Voltei muito apaixonado! Quero morar no Japão! Tô com muitos posts engatilhados. É mais de 15 mil fotos. Aguarde!!!
      Bjo 😘

      Curtir

  2. Que delícia de blog! Viajar é preciso!
    Fui recentemente pra Ásia voando Emirates. Tinha opção de stop over em Dubai mas acabamos não fazendo porque estava ansiosa demais pra chegar em Bangkok! Quase 30 horas de voo entre uma pernada e outra.. mas super valeu a pena! E a passagem, consegui super barata numa promoção incrível! Temos que pesquisar mesmo!
    Adorei seu relato! E já virei fan do blog! Vou seguir de pertinho!! Boa viagem e continue nos contando os detalhes!! Beijosssss e saudades!

    Curtido por 1 pessoa

    • Ivana, não acredito que as coisas aconteçam por acaso… a viagem foi incrível! Aquele povo é maravilhoso! É tão bom ver de perto que quando todo mundo segue as regras as coisas funcionam naturalmente. Olha, te desejo toda sorte do mundo tanto profissional quanto pessoalmente. Agradeço sua ajuda em me trazer pra cá. E saiba que aprecio demais BH viu?! Hehehehe
      Um bjo e muita paz e sucesso.

      Curtir

  3. Pingback: Onde comprar ienes? 💴 | Poltrona 22

  4. Pingback: Paris: do alto e de graça! | Poltrona 22

    • Seja bem-vinda, Iara! Escolha uma Poltrona e vamos falar sobre isso! Em voos longos (ou mesmo quando tem uma conexão) sempre é bom ver se a cia aérea disponibiliza o stopover! Vc aproveita pra descansar um pouco e ainda conhece outro país. Em alguns casos a passagem sai mais barata que comprando direto. Pro Japão, na KLM/ Air France, aconteceu isso! =)

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s